Vereador Edson Schug faz o uso da Tribuna na 18ª Sessão de 2015

Edson salientou sobre o recurso repassado à Secretaria da Agricultura de Mercedes
17/06/2015 07:54

O Vereador Edson Schug fez seu pronunciamento em Tribuna na 18ª Sessão da Câmara de Vereadores de Mercedes nesta terça-feira (16/06).

Inicialmente cumprimentou a todos os presentes e na sequência relatou uma entrevista concedida pelo Governador Beto Richa no canal de televisão “Rede TV”. Segundo Edson, o governador foi muito infeliz e suas colocações, não conseguindo responder às perguntas, se atrapalhando em respostas, “perdendo o controle das coisas, e nesse perder o controle, ele também está perdendo o apoio da assembleia legislativa e começando a governar por decreto”.

Partindo disso, Edson Schug mencionou o Decreto 1600/2015 do Governo do Estado do Paraná, o qual institui que a partir de 1º de julho todas as propriedades que utilizem mais de 1000 Quilowatts/ hora de Energia passarão a ter mensalmente um acréscimo de 60% a 80% no valor pago pelo ICMS em sua conta de Luz.

Segundo Edson, “o Estado do Paraná é um dos maiores produtores de carne e grãos e isso inviabiliza principalmente o pequeno agricultor e as pequenas propriedades (...) e isso é inadmissível e está mais do que na hora da Câmara de Vereadores se posicionar, assim como outras câmaras de Vereadores se posicionaram também (...) e poder mobilizar nossos representantes, AMOP, ACAMOP, CACIOPAR,  (...) não é possível o governo do Estado começar a sacrificar a cadeia produtiva uma geração de renda nos pequenos municípios e pequenas propriedades (...)” .

 

Parabenizou o Vereador Ornélio por sua indicação da quadra esportiva na Linha Três Irmãs que era uma indicação já feita por ele há um ano e com certeza será bem utilizado.

Na sequência Edson salientou sobre o recurso repassado à Secretaria da Agricultura de Mercedes que está vindo, mas que se sabe que “são recursos advindos a duros custos da população”, pois é ela mesma que paga com os aumentos abusivos do Estado.

 

Quanto ao requerimento feito pelo vereador Laco, que solicitava informações de procedimentos licitatórios de medicamentos do Posto de Saúde de Mercedes, o vereador Edson salientou que “por um simples conforto se acaba gerando um custo muito alto (...) o vereador tem o livre acesso a toda informação, mas uma resposta de um requerimento que gera mais de 2 mil folhas é um exagero, e sem contar que se teve de mudar o sistema de gerar relatórios para atender a solicitação do vereador.”  E finalizou dizendo que é importante que o vereador vá atrás das informações, mas que observe no momento de solicitá-las, pois há outras formas de buscar informação.

 

 

ENQUETE

Aborto em caso de Microcefalia: Você Faria?

Desenvolvido por DocStart