Espaço de Fé: O Meu Amor Acabou! 1 Co 13

Mensagem do Pastor Fredi F. Gritti da Igreja de Deus, Mercedes Pr
Fredi F. Gritti - Pastor de Igreja de Deus | 26/03/2015 07:48


Já ouviu alguém dizer que o seu amor acabou? Hoje isso se tornou frequente e fácil de dizer.

E se o amor acabou, parte pra outra (o)! Assim as pessoas dizem quando descobrem que “não amam mais” o cônjuge por exemplo. De fato pode haver circunstancias e situações que põe fim a um relacionamento, mas finaliza-lo porque o amor acabou pode não ser a razão correta.

Quando o amor acabar estaremos em dificuldades, pois por sua causa o mundo ainda existe e ele cobre uma multidão de pecados. Ou seja, onde há amor existe espaço para perdão e reparação. O amor faz isso, perdoa restaura e reata as esperanças onde tudo parece estar no fim.

Paremos para pensar; será que o amor acaba mesmo? Será que uma linda história de amor pode simplesmente se acabar por que com o tempo o amor acabou? Pode haver divergência, mas a palavra de Deus tem uma resposta enfática quanto a isso.

Vejamos a atitude de Jesus ao se encaminhar para a cruz. Ele veio justamente por amor a sua criação, encontrou um cenário que talvez não imaginasse, foi usado, escarnecido, esbofeteado, rejeitado e morto pelos seus, ainda na cruz aguentou a afronta de ladrões, mas mesmo assim se ofereceu em nosso favor. Porque isso? Só por amor, nada mais. Não houve outro motivo para ele ter feito isso, foi por amor. Deu sua vida em nosso favor, e nos amou quando não sentíamos por ele nenhum afeto e o desprezávamos, mas ele nos amou.

Em 1Co 13 Paulo fala de um amor que certamente não é o mesmo que estamos acostumados a sentir, não é um amor confundido com sentimento nem paixão, ele fala do verdadeiro amor, do amor que sofre.

Isso intriga muitas pessoas. Como pode o amor sofrer? O amor verdadeiro sofre. O amor de Jesus o fez sofrer em nosso lugar. 1 Co 13:7 diz que ele tudo sofre, tudo crê, tudo espera e tudo suporta... sem jamais desanimar e acabar.

O amor que dizemos ter e sentir muitas vezes, nada mais é que sentimento e emoção, paixão e fogo, isso acaba, mas o amor não, ele aumenta a cada dia.

Alguém que um dia tenha amado de verdade não verá seu amor acabar com o tempo ou então nunca houve amor, o que termina é o respeito, a comunicação o afeto, e a alegria de permanecerem juntos. O amor não acaba, mas pelas palavras duras e pelas atitudes, pela falta de carinho e de cuidado, pode acabar esfriando, mas ele pode tornar a reascender.

Ao esfriar, cede lugar ao orgulho e ao prazer, ao desejo de se libertar daquilo que passou a ser uma prisão, mas que agora está livre. O que acaba não é o amor, mas sim o respeito e o carinho, aí aflora o sentimento de alguém que não sabe o que realmente é amor, por que ele muitas vezes sofre e suporta muitas coisas.

Amor não é algo banal que estamos acostumados a sentir e dizer, o amor não sente prazer em fazer mal a alguém, quem ama nunca desiste, se desiste é porque nunca houve amor, porque ele é eterno.

Quem ama repreende não passa a mão por cima de um erro, quem amor diz a verdade não fala o que o outro deseja ouvir, mas o que precisa escutar, quem ama perdoa e não procura fazer o mal a ninguém, seja em palavras ou atitudes, quem ama não diz nada apenas manifesta o amor.

  Quem ama assume publicamente sem se importar com a opinião alheia, quem ama retém sua língua para não pecar, rejeita calunias e fofocas, pois em seu coração não há espaço para isso. 

 O amor não é um sentimento, mas uma decisão. Quem ama decide amar e não espera sentir algo por dentro, isso não é amor é sentimento e emoção e isso acaba, mas o amor dá sem esperar receber algo em troca.

Quem ama, é paciente e bondoso, não é ciumento, orgulhoso e nem vaidoso. Quem ama não é grosseiro nem egoísta não fica irritado nem guarda mágoas. Quem ama nunca desiste, mas suporta tudo com fé esperança e paciência, porque quanto mais o tempo passa mais ele aumenta. O amor é eterno. 1Co 13:4-8

Só há uma coisa capaz de matar o amor! Alguém com um coração duro e orgulhoso incapaz de se colocar no lugar do próximo. Não devemos esperar ser amados para depois amar, muitos não merecem o amor que decidimos ter.  

Por fim, não há como resumi-lo em palavras, elas não conseguem descreve-lo nem como explica-lo detalhadamente.

Uma coisa é certa. Deus nos AMA, e Deus é amor (1 Jo 4:8) assim como ele nos amou devemos manifestar seu amou também.

Deus te abençoe!

Fredi F. Gritti - Pastor de Igreja de Deus, Mercedes Pr.

ENQUETE

Você gosta do atual formato da Festa de Mercedes, alternando a cada ano entre Costelão Recheado e Café Colonial? Ou gostaria que fosse num dos formatos abaixo??

Desenvolvido por DocStart