Marcelo parabeniza caminhoneiros e agricultores e fica revoltado com cortes do governo na saúde e educação

05/06/2018 18:51

O vereador Marcelo Eninger utilizou a tribuna da sessão da câmara de vereadores de Mercedes para comentar sobre o fim da greve dos caminhoneiros e os cortes do governo para o subsídio do diesel.

Marcelo parabenizou os caminhoneiros e agricultores por fazerem frente na luta por um país melhor, sem defender partido político, e sim as cores do Brasil, e os merecidos avanços conquistados. Entretanto o vereador ficou indignado com o método escolhido pelo governo federal para subsidiar o diesel, realizando cortes em áreas essenciais, como saúde e educação.

O vereador classificou como “vergonha” cortar investimentos ao contrário de retirar regalias dos governantes na esfera federal. Marcelo citou que somente no Paraná, quatro obras em rodovias foram cortadas.

A indignação do vereador Marcelo foi maior quanto aos cortes no SUS e na educação. Marcelo questionou se no SUS está sobrando dinheiro, se há atendimento de qualidade e medicamentos sobrando para poder ser feito cortes, assim como se revoltou com os cortes na educação.

O presidente da câmara ainda destacou a importância dos votos, e a atenção e análise de quem realmente trabalha pelo país e pela população, refletindo quem é o melhor candidato. Marcelo pediu ainda para que não tenhamos o pensamento de não votar, mas que votemos, fazemos a mudança.

Veja no vídeo abaixo a indignação do vereador sobre esta situação “lamentável”, segundo ele:

ENQUETE

Sem enquetes no momento

Desenvolvido por DocStart