Promessa - voos da Azul em Toledo não começam nesta segunda

Catve | 04/06/2018 10:39

Está frustrada promessa de que o Aeroporto de Toledo passaria a ter voos a partir desta segunda-feira (4).

A confirmação de que a operação não começa amanhã e a imprecisão de uma nova data veio do deputado estadual, José Carlos Schiavinatto (PP). Segundo ele, a empresa diz que ficou para novembro, mas o parlamentar já antecipa: vai ficar para 2019.

Em março deste ano, o então governador Beto Richa (PSDB) anunciou - como um dos últimos atos antes de deixar o governo - a data para início da operação da empresa aérea. Agora vem a notícia de que, por enquanto, nenhum avião sai do chão pela empresa.

Até o momento não foram encaminhados à ANAC as solicitações que após encaminhamento demoram até 90 dias, portanto. VOOS PARA TOLEDO somente a partir de novembro. Minha opinião, diria que somente em 2019 considerando as dificuldades".

O parlamentar diz que as obras atrasaram, equipamentos quebraram e houve falta de matéria-prima para terminar a obra.

A empresa que faz a cerca pediu mais 30 dias, complementou o deputado.

Questionado nas redes sociais de que o prazo para iniciar os voos era muito curto, apenas três meses, o parlamentar afirmou que a divulgação da data foi em um ?momento de euforia?. 

Então, não sei de onde veio a informação no momento de euforia. Em Pato Branco que iniciaram muito antes ainda não aconteceu, explicou o parlamentar.

INCENTIVO FISCAL

Conforme o portal oficial de notícias que os voos em Toledo fazem parte do plano aeroviário do Governo do Estado, com ampliação do número de voos regulares em aeroportos regionais do Paraná, Richa chegou a anunciar incentivo fiscal da querosene de aviação para incentivar a criação de novas rotas. 

"O Governo do Estado reduz o ICMS sobre a querosene de aviação em dois pontos percentuais a cada nova rota criada nos aeroportos do Paraná. O imposto sobre o combustível é de 18% e com mais esta formalização, a Azul vai pagar 14%, pois também começou a operar voos a partir de Ponta Grossa", informou o governo em março.

No pacote, também estavam incluídos voos em Pato Branco, Umuarama e Guarapuava.

ENQUETE

Sem enquetes no momento

Desenvolvido por DocStart