Tribunal do Júri de Marechal Rondon terá dois julgamentos neste mês

Radio Difusora | 14/03/2018 11:46

O Tribunal Popular do Júri de Marechal Cândido Rondon tem duas sessões de julgamento este mês de março.

A primeira será no dia 23, uma sexta-feira, quando por homicídio estará no banco dos réus: Deivid Daniel Post de Souza, vulgo Sabonetinho, preso na cadeia pública local.

Em 07 de agosto de 2016 por volta da 1 hora da madrugada no Clube Corinthians, de Margarida, matou a tiros Jordan Caliel Stankowiche de Aquino.

Consta na denuncia que agindo dolosamente e com a intenção de matar, Sabonetinho disparou 5 tiros contra a vitima , que atingida na região abdominal, ombro esquerdo e braço direito, resultou com hemorragia interna aguda e consequentemente causando-lhe a morte.

Também consta nos autos que o crime foi praticado por motivo futil, vez que o denunciado alegou possuir problemas antigos com a vitima, por causa de mulher.

Cinco testemunhas foram arroladas e prestarão depoimento na sessão de julgamento.

Na segunda-feira, dia 26 de março, também por homicidio, serão julgados: Bianca de Souza Araújo, 23 anos; Clarice Pedroso dos Santos, de 35 anos, presas desde 4 de fevereiro do ano passado; e o paraguaio Julio Pereira Ferreira, de 19 anos, a época dos fatos.

Consta na denuncia que, como primeiro fato, em 4 de fevereiro de 2017, por volta das 3 horas e 30 minutos da madrugada, a Rua D. João VI, na região central de Marechal Cândido Rondon, todos os denunciados, juntamente com um adolescente de 14 anos, com manifesta vontade de matar, desferiram cerca de 60 golpes na cabeça da vitima Romicon José da Silva, provocando traumatismo cranioencefálico e hemorragia intracraniana e consequentemente a morte da vitima.

O segundo fato menciona que, nas mesmas circunstâncias de tempo e lugar descritas no primeiro fato, os denunciados dolosamente, conscientes da ilicitude e reprovabilidade de seus atos, corromperam o adolescente, menor de 18 anos, para com ele praticarem o crime pelo qual serão julgados.

ENQUETE

Aborto em caso de Microcefalia: Você Faria?

Desenvolvido por DocStart