Proprietária de empresa localizada na BR 163 entre Mercedes e Marechal tem morte cerebral confirmada após acidente

Radio Difusora | 22/01/2018 13:36

Foi confirmada na tarde desta segunda-feira (22), a morte cerebral da empresária rondonense Eloísa Dalmina, vítima de um grave acidente ocorrido no dia 13 de Janeiro, na saída de Campo Mourão para Cascavel.

Ela chegou a ser retirada do estado de coma induzido, porém não apresentou reações de que melhoraria a partir de então: ao contrário, surgiram fatos que tornaram o quadro clínico considerado gravíssimo.

Foi detectado que a paciente contraiu princípio de pneumonia, mas o mais grave é que a empresária acabou sendo acometida de isquemia cerebral.

Confirmada a morte cerebral da mulher na tarde desta segunda-feira, familiares da vítima informaram que seriam tomadas providências no sentido de viabilizar a doação de órgãos.

Neuri Dalmina, marido de Eloísa Dalmina, também estava no veículo no momento do acidente. Ele resultou com ferimentos leves.

O casal Neuri e Eloisa é proprietário da empresa Mineração Dalmira, localizada na BR-163, entre Marechal Cândido Rondon e Mercedes.

ENQUETE

Aborto em caso de Microcefalia: Você Faria?

Desenvolvido por DocStart