Cobrador de ônibus confessa ter estuprado e matado jovem a facadas

OBemdito | 06/12/2017 17:53

Preso pelo Grupo de Diligências Especiais (GDE) da Polícia Civil na tarde desta terça-feira (5), o cobrador de ônibus Paulo César Andrade do Nascimento confesssou ter matado a facadas, após manter relação sexual forçada, a jovem Gisele Luzia Aparecida de Lima, 25.

Testemunhas confirmaram que ele deu carona à vítima em seu Corsa, no início da noite de domingo (3).

Gisele passou o dia com a mãe, em Nova Olímpia, e aguardava o ônibus para retornar a Maria Helena, onde reside.

O acusado concordou em levar os policiais até o local em que deixou o corpo, um canavial nos arredores de Nova Olímpia.

A roupa da jovem estava relativamente longe.

Paulo César disse ter matado Gisele por receio de ser denunciado tão logo fosse descoberto o estupro. A jovem foi violentada e morta no mesmo local.

ENQUETE

Aborto em caso de Microcefalia: Você Faria?

Desenvolvido por DocStart