Vereador Tonico usa a 2ª Sessão da Câmara para alertar sobre o Fracking na região

24/02/2016 14:51

O Vereador Antônio Alves, Tonico, utilizou a tribuna ontem (23) na 2ª Sessão da Câmara de Vereadores de Mercedes.

Na oportunidade, Tonico comentou sobre a reunião da ACAMOP (Assoc. das Câmaras de Vereadores dos Municípios do Oeste do PR), ocorrida na última sexta-feira (20), em Santa Helena. Segundo o vereador, estas reuniões são de suma importância, pois tratam de assuntos de interesse dos municípios da região.

Tonico destacou a importância das câmaras da região, principalmente sobre o assunto dos lotes de terras destinados a exploração de gás de xisto por meio do questionado método de fracking. Na região podem ser distribuídos vários lotes pela ANP, em cidades como Pato Bragado e Entre Rios do Oeste.

Conforme o vereador, as empresas extratoras do gás só poderão funcionar com o alvará da prefeitura, e é em cima deste ponto que as câmaras de vereadores da região estão se atendo, a fim de criar empecilhos e fazer com que não haja empresas interessadas nos lotes.

Tonico ainda alertou sobre os perigos, do fracking, que podem alterar drasticamente a cadeia produtiva de uma região, além de poluir as águas subterrâneas.

Fracking

Fraturamento hidráulico, ou Fracking, é um método que possibilita a extração de combustíveis líquidos e gasosos do subsolo. O procedimento consiste na perfuração de um poço vertical no qual, uma vez alcançada a profundidade desejada, a broca é girada 90° em sentido horizontal e continua perfurando uma distância de 2000 a 3000 metros. A seguir uma mistura de água, substâncias penetrantes e químicas é injetada no terreno sob alta pressão. O objetivo é ampliar as fissuras existentes no substrato rochoso que encerra petróleo e gás natural, normalmente menores que 1mm, permitindo sua saída para a superfície. Em geral, o material injetado é água com areia a produtos químicos, que causa o fraturamento e a dissolução da rocha. Devido ao uso de produtos químicos, existe a grande possibilidade de poluição e contaminação das águas e do solo, já que boa parte dos produtos químicos se perde durante o processo.

Confira o que o Vereador disse no vídeo abaixo:

ENQUETE

Aborto em caso de Microcefalia: Você Faria?

Desenvolvido por DocStart